Home Competições World Cosplay Summit Mercado Mundo Mix também é Japão!

Mercado Mundo Mix também é Japão!

Correo electrónico Imprimir PDF
There are no translations available.

mmm4.jpgEntrevista com Beto Lago – um dos ícones do movimento alternativo mundial

Um palco para novos talentos, uma boa dose de modernismo, ousadia e uma visão democrática do mundo fashion. Com tudo isso e uma postura imparcial sobre o mercado alternativo, Beto Lago soube mostrar e divulgar o que há de melhor em cada tendência, em cada nova idéia ou no potencial de uma marca que está iniciando seu caminho. Após anos de estrada com o Mercado Mundo Mix (MMM) conquistando vários cantos do Brasil e do mundo, chegou o momento do Japão aproveitar esse espaço pra lá de privilegiado.

E isso tem data marcada – 8 e 9 de março, no Memorial da América Latina. Tudo com direito a concurso de cosplay, marcas de streetwear e várias outras surpresas. Para quem é do meio e estava esperando por uma oportunidade, a hora chegou, e é inegável a felicidade dos fãs em ver que o visual de rua japonês pode ganhar o mainstream brasileiro.
mmm1.jpg


O Cosnet conversou com Beto Lago, o idealizador desse evento que está presente no calendário da moda brasileira desde 1994. E pensar que nessa época, os encontros de fãs de animê e mangá estavam restritos a exibições de animação em centros culturais. Quatorze anos mais tarde, o Memorial da América Latina será o palco para esse encontro que marca também a maturidade de um segmento do entretenimento que está a cada dia, sendo reconhecido como parte do próprio mercado cultural brasileiro.

E para pontuar essa nova realidade, uma eliminatória do World Cosplay Summit acontecerá no dia 9 de março. Um dos pontos altos dessa edição do MMM.

Para o pessoal que gosta de cosplay, mas de outras variantes do universo pop japonês também, haverá uma exposição de toy art e até apresentações de bandas. Serão mais de 150 expositores divididos entre moda, arte e design. A diversão está mais do que garantida.

E nada melhor do que conhecer um pouco mais sobre o trabalho e a trajetória de Beto Lago, especial para o Cosnet.

Cosplayers.net - Você passou por várias experiências profissionais, das mais simples às mais sofisticadas. Fale sobre sua trajetória de vida e o que o motivou a criar o Mercado Mundo Mix.
Beto Lago - Justamente por ter convivido com vários meios e tribos, resolvi criar o Mundo Mix como uma zona de intercâmbio, onde todos os estilos pudessem se conhecer e conviver de forma natural e pacífica. E óbvio, com isso incentivar novos profissionais e criações. Você está em um buteco em Copacabana bebendo um chopp com putas e travestis, é tão legal quanto tomar um café no hotel Ritz em Paris, no meu ponto de vista. A mistura é legal.
 
Cosnet - Como a idéia original (mencionada na primeira resposta) evoluiu para o formato atual do evento, e qual a relação que ele tem hoje com o mercado alternativo no Brasil e no exterior?
Beto - Essa liberdade de expressão e de atitude criou identificação com um número gigante de pessoas. A adesão ao projeto Mercado Mundo Mix vai muito de encontro ao que as pessoas buscam, que para mim é liberdade e emoção em todos os momentos: seja no trabalho, na vida ou na família. O MMM foi um marco pelo seu formato e dimensão que tomou, sem perder as características iniciais.
 
Cosnet - O Mercado Mundo Mix é pontuado por artistas de vários segmentos diferentes. Como é realizado o convite para esses profissionais?
Beto - Somos bastante procurados por artistas que não tem muito espaço para apresentar sua arte, e muitos desses acabam sendo atrações para o Mundo Mix. Além disso, temos uma equipe que faz pesquisa de quais artistas têm se destacado, quem está fazendo o que, e com isso corremos atrás do contato dos artistas para convidá-los a se apresentar no MMM.
 
Cosnet - Há edições do Mercado Mundo Mix em outros estados do Brasil e até no exterior. Pode-se dizer que o Mercado Mundo Mix é pioneiro até hoje no meio alternativo latino-americano e mesmo europeu?
Beto - Sim, porque na prática temos um formato que é diferente de qualquer outra feira que exista no mundo. Não é parecido com o Camden Town, de Londres, nem com o Mercado das Pulgas de Paris, nem com a Benedito Calixto. Só para citar alguns exemplos de feiras alternativas de sucesso. Nossa fórmula é totalmente voltada ao consumo de varejo com requintes de novos comportamentos, criando uma antena parabólica do que o jovem quer, antes de chegar ao mainstream. Outro fato que difere dos demais eventos é realmente ser algo multicultural, onde música, moda e comportamento tem o mesmo peso. Isso não existia aqui e nem na Europa, e graças à isso fazemos muito sucesso por lá também.
 
Cosnet - A edição do Mercado Mundo Mix que acontecerá em março, em São Paulo, será temática e falará sobre o Centenário da Imigração Japonesa no Brasil. Como surgiu a idéia e quais são os profissionais que apóiam a realização desse evento?
Beto - Na realidade minha idéia foi falar mais especificamente do fenômeno cosplay.
 
Cosnet - A Editora JBC promoverá uma eliminatória para o Word Cosplay Summit - Etapa Brasil. O que motivou o interesse para promover a eliminatória para o World Cosplay Summit, e como foi negociada a parceria com a Editora JBC? Quais as suas expectativas para essa atividade no evento, do ponto de vista da reação do público?
Beto - O Mundo Mix já teve vários eventos temáticos de comportamento, como hip-hop, trance, artes plásticas, customização, burlesco/cabaret, etc. Em cada edição, focamos um tema comportamental. Fiquei impressionado quando tive acesso ao que era o universo cosplay, e tivemos a sorte de encontrar a editora JBC no caminho, e juntos rolou a idéia de realizar a eliminatória do WCS no Mundo Mix, já que são os maiores do ramo no Brasil. Tenho certeza que tanto o público do Mundo Mix quanto o público do cosplay tem tudo a ver, já que ambos adoram moda, o colorido, a diversão. Será um casamento perfeito!

Cosnet - Além da eliminatória para o WCS também haverá um concurso de cosplay promovido pelo próprio evento. Essa idéia veio com a parceria para promover a eliminatória ou foi uma iniciativa independente? Nesse caso, o que motivou essa iniciativa?
Beto - Quando tivemos a idéia do cosplay, propus à Marimoon, VJ da MTV e expositora do Mundo Mix há um ano, que criasse algo mais leve e solto para os iniciantes no cosplay, individual, fruits... Algo pouco explorado nos grandes concursos de cosplay. É para quem quer brincar mesmo, e nossa intenção é somente divertir e agradar.
 
Cosnet - Você já conhecia o cosplay e a moda de rua japonesa? Qual o seu contato com o universo alternativo japonês?
Beto - Trabalho com moda, então é impossível não saber o que é o harajuku, o mangá, que são referências há anos para o streetwear. O cosplay confesso que fiquei sabendo no ano passado, através da minha amiga Marimoon. Tudo o que é comportamento me interessa e o cosplay não poderia ficar de fora.
 
Cosnet - Podemos esperar por mais Japão dentros das próximas edições do Mercado Mundo Mix, tanto em 2008 quanto nos próximos anos? E quanto ao cosplay? Podemos ver mais cosplay no Mercado Mundo Mix?
Beto - Temos três edições em São Paulo este ano, e uma vez por ano faremos um evento dedicado ao cosplay, que acredito que é um movimento que está começando e tem ainda muito a crescer no Brasil. O Mundo Mix servirá como plataforma para ajudar à disseminação do cosplay, assim como já fez com outros movimentos. Portanto faremos uma vez por ano um evento voltado ao cosplay, tentando assim entrar para o calendário anual dos cosplayers, ao lado de outros eventos que já acontecem.

Cosnet - Ainda em 2008 podemos esperar por mais Japão dentro das edições do Mercado Mundo Mix?
Beto - Em São Paulo, depois dessa de março, só em 2009. Mas se por acaso o conceito der certo, podemos levar este movimento para as outras cidades em que estaremos este ano, como: Campinas, Rio de Janeiro e Curitiba.

 mmm2.jpg

 

 

Serviço
Mercado Mundo Mix
Data: 8~9 de março
Horário: 14~22h00
Local: Memorial da América Latina, Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664, estação Barra Fundo do Metrô*
* Entrada: portões 9 e 12, em frente a saída do Metrô
Informações: www.mercadomundomix.com.br
Ingressos: R$ 5,00 (sem flyer) e R$ 3,00 (com flyer)
Estacionamento: R$ 5,99, ao lado do metrô (Válido por 12 horas)

Última actualización el Lunes 03 de Marzo de 2008 16:06