Home Competições World Cosplay Summit WCS 2008 - Dupla do Rio Anime Club Desclassificada

WCS 2008 - Dupla do Rio Anime Club Desclassificada

Correo electrónico Imprimir PDF
There are no translations available.

De acordo com informações recebidas da Editora JBC, responsável pela realização do World Cosplay Summit no Brasil, Juliana Pereira e Loren Louro, que conquistaram a vaga no Rio Anime Club, foram desclassificadas e perderam a chance de disputar a final nacional. Atualização: 02/04/2008 às 19h24 - leia a entrevista com Loren.

Ainda segundo o comunicado, a dupla perdeu sua vaga por utilizar materiais não permitidos durante a apresentação. Com a desclassificação, a dupla formada por Carolina Barcelos e Monica Velozo, que se apresentou com cosplays de Shoujo Kakumei Utena, e havia ficado em segundo lugar assume a vaga do Anime Center.

A substância proibida utilizada pela dupla teria sido o nitrato de potássio, um produto químico largamente utilizado na indústria de alimentos, mas que também pode ser usado na fabricação de bombas de fumaça e pólvora.

No vídeo da apresentação de Juliana e Loren pode ser visto (aos 2:15) o momento em que elas teriam usado o produto para produzir a fumaça que sai da caixa aberta na peça de cenário que elas levaram para o palco. A imagem abaixo mostra a fumaça saindo da caixa, o que levou à desclassificação das duas. (Clique na imagem para ver o vídeo completo da apresentação)

lorenjulianadesclassificadas.jpg

Ainda segundo o comunicado da JBC, a desclassificação se baseia nos artigos 3.03 e 3.08 das regras do WCS, que menciona o direito a veto dos organizadores sobre a apresentação em caso de uso de algum material não autorizado, mas não trata especificamente da desclassificação de uma dupla após o anúncio do resultado. Veja abaixo o texto dos ítens citados:

3.03- Todos os efeitos especiais têm que ser secos. Não será permitido o uso de líquidos ou materiais viscosos. Também não será permitido o uso de acessórios ou objetos que possam colocar em risco a integridade física dos cosplayers, do público, dos jurados, tais como: fogo, armas de corte, armas brancas, armas de fogo, abrasivos, corrosivos, tinturas tóxicas, solventes, entre outras substâncias nocivas.

3.08- A Editora JBC se reserva o direito de, em qualquer momento, analisar e verificar a apresentação de cada dupla finalista, e caso considere que algo dentro da apresentação possa representar qualquer espécie de risco ao participante, à comissão, prestadores de serviço, jurados, convidados, público pagante do evento, demais pessoas que estiverem no local da apresentação, poderá vetar a apresentação da dupla ou mesmo, a utilização de quaisquer materiais nesse sentido.

O Cosplayers.net entrou em contato com o organizador do Rio Anime Club, que se mostrou entristecido com a situação, mas preferiu não comentar nada até que o comunicado oficial fosse publicado. (No momento da edição deste artigo o comunicado ainda não havia sido expedido)

O site entrou em contato também com Loren Louro, que preferiu não comentar sobre o assunto, e se mostrou bastante abatida. Loren ainda mencionou ter pedido autorização prévia para a organização do WCS para usar o efeito especial, e que tal autorização teria sido concedida.

Edi Carlos Rodrigues, do departamento de marketing da JBC, e uma das pessoas responsáveis pela realização do WCS no Brasil, além de um dos juízes da eliminatória do Rio Anime Club, conversou com a equipe do Cosplayers.net e informou que não houve autorização para o uso do efeito especial. Edi Carlos também ressaltou que a desclassificação da dupla se deu unicamente pela utilização de material não autorizado nas regras, e que nenhum outro aspecto da apresentação ou dos cosplays utilizados pesou na decisão da editora.

Ainda segundo Edi Carlos, não haverá restrições para que a dupla participe das próximas eliminatórias, caso queiram tentar novamente.

Atualizado em 02/04/2008 às 18h50: A equipe do Cosplayers.net entrou em contato também com Monica Velozo, integrante da dupla que passou a representar o Rio Anime Club na final nacional do WCS. Mônica declarou ainda estar "digerindo" a notícia: "É muito estranho. Nós não achavámos nem que a nossa apresentação merecia um segundo lugar. E agora temos que assumir o primeiro. Eu entendi o porquê da desclassificação da Loren e da Juliana, mas isso não torna o fato menos chato de se lidar. Elas estavam lindas e a apresentação delas também foi linda. A única coisa que eu posso fazer é desejar que elas consigam a classificação de novo."

Aguardem mais informações sobre o assunto nos próximos dias.

Última actualización el Miércoles 02 de Abril de 2008 13:25