Home Competições Yamato Cosplay Cup Yamato Cosplay Cup - conheça o maior concurso de cosplay do Brasil

Yamato Cosplay Cup - conheça o maior concurso de cosplay do Brasil

Correo electrónico Imprimir PDF
There are no translations available.

Em 2007 os cosplayers brasileiros foram surpreendidos pela primeira edição da Yamato Cosplay Cup, que mais tarde viria a se tornar o maior concurso de cosplay do Brasil. Nesta matéria David Denis Lobão, coordenador da Yamato e um dos responsáveis pela organização do YCC nos conta como surgiu a idéia do concurso, como ele tomou o formato atual e quais os planos para o futuro. David também nos conta detalhes sobre a final internacional, marcada para acontecer durante o Anime Dreams, em janeiro de 2008.

logoycc2008.jpgQuando o assunto é inovação, não há dúvidas de que a YCC representa muito para os cosplayers no Brasil. Além de ter sido o primeiro concurso a colocar no mesmo palco cosplayers de todas as regiões do país, também disponibilizou a eles recursos de palco e bastidores nunca antes utilizados em nenhum outro concurso de cosplay.

Além disso o próprio formato do concurso foi inédito, pois avaliou de forma conjunta as categorias Tradicional e Livre, já comuns em diversos concursos por todo o país, mas sempre avaliadas de forma separada. Isso exigiu dos cosplayers muita versatilidade, além de criatividade e por que não dizer resistência, pois fazer duas apresentações no mesmo dia com certeza foi bastante desgastante para todos. A YCC foi ainda o primeiro concurso de cosplay no Brasil a ter oficialmente representantes de outros países, em um formato semelhante ao do WCS, que acontece todos os anos no Japão.

Leia a entrevista e saiba os detalhes sobre a etapa internacional da YCC, e também os planos para o futuro da competição.

 

Cosplayers.net: O que é exatamente a Yamato Cosplay Cup? Como e quando surgiu a idéia de realizá-la?

David: A Yamato é uma empresa que organiza convenções de animês e mangás no Brasil e entre elas está o maior evento do gênero do continente americano, o Anime Friends, que reuniu 86 mil pessoas em sua quinta edição, realizada em 2007. Durante o Anime Friends, nossos convidados do Japão (cantores japoneses de ‘anime songs’) comentaram que poucas vezes viram um evento com tantos cosplayers e com tamanha qualidade. Que o Anime Friends podia ser facilmente comparado com os eventos japoneses.

Neste momento a Yamato percebeu como o Anime Friends tinha números significativos de cosplayers, afinal foram mais de mil inscrições realizadas no concurso de cosplay do evento, somando as cinco categorias que tínhamos disponíveis. Isto fora os cosplayers que andavam pelo evento fantasiados sem concorrer. Com tais dados nas mãos resolvemos criar uma nova competição de cosplay. Daí nasceu à idéia do YCC, o Yamato Cosplay Cup.

A idéia inicial era unir cosplayers de todas as regiões e Estados do Brasil, o que já seria uma tarefa complicada. Afinal estamos falando do o quinto maior país do mundo (depois do Canadá, Federação Russa, China e Estados Unidos). Muitos disseram que seria impossível, mas conseguimos, finalmente reuniríamos 22 cosplayers brasileiros em uma competição única, algo que nenhuma empresa do país teve dinheiro e coragem de fazer.

Até então o Circuito Cosplay e a eliminatória WCS que eram os maiores concursos de cosplay do país não tinha conseguido chegar a todas as regiões do Brasil e nós chegamos. E conseguimos isto negociando com eventos parceiros da Yamato espalhados pelo país e com a ajuda dos cosplayers que confiaram na Yamato e na competição. Mas não é fácil e nem barato fazer o YCC.

Ainda não existem empresas brasileiras que invistam no cosplay no país, então fizemos a primeira edição da competição brasileira sem patrocínio e pra isto foi investido cerca de 20 mil reais. Mas foi um sucesso de público e critica. Diante desta perspectiva foi possível levar adiante a segunda e mais ambiciosa etapa dos planos. Criar uma etapa internacional da competição.

A idéia da fase internacional nasceu praticamente junto com os planos da etapa brasileira, mas só foi possível levá-la adiante graças aos bons resultados da edição nacional. Com as apresentações campeãs em mãos e os números do Anime Friends, fomos conversar com eventos de fora do Brasil e todos foram extremamente respectivos e toparam de imediato fazer seletivas para o YCC Internacional.

 

Cosplayers.net: A Yamato organiza dois campeonatos de cosplay no Brasil, que acontecem em diversas etapas durante o ano: o Circuito Cosplay e a Yamato Cosplay Cup. Desconsiderando-se o fato de que a YCC tem uma etapa internacional, quais as principais diferenças você aponta entre os dois?

David: O Circuito Cosplay é uma competição importante e eu comparo ele ao “Brasileirão”, o maior campeonato de futebol do Brasil. Ela é uma competição onde realmente ganha o melhor cosplayer. Aquele que se esforça, que corre atrás, que cria coisas novas durante um ano inteiro. É de fato uma competição e não uma confraternização. O cosplayer faz roupas diferentes durante o ano, se apresenta em quatro eventos realizados em São Paulo e por uma somatória de pontos (como ocorre na Formula 1) descobre no final quem é o vencedor. Por seu formato ela acaba restringindo um pouco a competição, dificultando para os que estão começando e para moradores dos Estados mais distantes de São Paulo. E diferente do Circuito, o YCC abrange o Brasil todo e não somente parte dele, já que a pessoa não precisa vir para São Paulo competir. Outra coisa é que YCC é algo que depende de um único concurso, onde vale uma vaga para uma final, onde também ocorre uma única disputa.

Outra diferença é que no Circuito é avaliada apenas a “categoria tradicional”, ou seja, a fidelidade da apresentação. No YCC avalia-se isto e também a apresentação “livre”, onde o que conta é a criatividade. Outra diferença é que no YCC ocorre uma confraternização entre os cosplayers e não somente uma competição.

 

Cosplayers.net: Tendo-se em vista o formato dos concursos, é impossível deixar de traçar um paralelo entre a Yamato Cosplay Cup e o World Cosplay Summit. De que maneira você compara os dois, e quais as principais diferenças que aponta entre eles?

David: Pra começar, o YCC é uma competição individual e a WCS é uma competição em duplas. Esta é a primeira e maior diferença entre ambos, já que os dois se propõem a ser uma competição internacional entre cosplayers.

Outra diferença é que o WCS avalia um “show”. É uma competição criada para ser transmitida pela televisão e avaliar quem apresenta o melhor “espetáculo”. No caso do YCC a avaliação é mais crua e técnica. Coordenadores de cosplay entregam suas notas baseadas em duas apresentações, uma livre e uma tradicional. Além disto, no WCS você precisa competir com personagens de origem japonesa, no YCC vale qualquer tipo de cosplay, não importando a etnia do mesmo.

Mas é indiscutível que os propósitos de ambos são similares. No Brasil então fica mais evidente isto, com eventos fazendo pré-seleção pra uma final brasileira que depois chega ao nome de finalistas para a competição internacional. Mas o YCC ainda está indo para sua primeira final internacional e o WCS já teve quatro. A experiência conta bastante.

Mas mesmo assim me falaram que o primeiro YCC terá mais países envolvidos que o primeiro WCS, espero que dê tudo certo e consigamos mostrar para o mundo que é possível fazer uma grande competição de cosplay no ocidente e que cosplay não é apenas “fantasias” de desenhos e games japoneses e sim de todo o universo de cultura pop, que é possível competir como cosplayer de comics, cartoons, novelas, filmes...


Andressa Miyazaki
1o lugar na final brasileira do YCC 2007

Continua na Página 2.

{mospagebreak}

.

 

Cosplayers.net: Quando se fala de WCS, muitas vezes se diz que se trata muito mais de uma festa, de uma confraternização do que de uma competição propriamente dita. De que maneira você avalia a YCC nesse aspecto? O que é mais importante, a confraternização ou a competição?

David: A Yamato já realizou seletivas para o WCS em seus eventos e as duplas selecionadas neles perceberam que o mais importante pra empresa não era a competição que estava rolando e sim a confraternização dos cosplayers. E foi isto que buscamos no YCC brasileiro em julho de 2007 e buscaremos na versão internacional de janeiro de 2008.

E os relatos dos cosplayers após a final brasileira do Yamato Cosplay Cup confirmaram isto. Todos comentaram da bagunça divertida que fizeram no hotel, na van, no evento... Era este o principal objetivo e foi alcançado. A competição, no caso do YCC, é a conseqüência, onde um precisa consagrar-se campeão. Bem diferente do Circuito Cosplay, por exemplo, onde a competição é mais crua e explicita.

Vejo o YCC como uma grande festa e espero que o clima agradável que ocorreu na final brasileira se repita na final internacional.

 

Cosplayers.net: Durante a final brasileira no Anime Friends 2007 foi disponibilizada uma estrutura de palco e bastidores nunca antes vista em concursos de cosplay. O fato de que os cosplayers compartilharam do mesmo palco e dos mesmos recursos disponíveis para os artistas internacionais que se apresentaram estabeleceu sem dúvidas um novo paradigma para as apresentações no Brasil. Você acredita que isso incentiva mais cosplayers a participar, ou que isso tem alguma influência em como as apresentações são elaboradas? Ou seja, poderia a inspiração e criatividade dos cosplayers ser motivada pela infra-estrutura do evento?

David: Acredito que sim. Depois da final do YCC brasileiro, diversos cosplayers vieram comentar comigo que iriam participar das seletivas do YCC só para ter a chance de se apresentarem no palco principal do Anime Friends, e contar com toda aquela estrutura. Fora que possibilitamos um tempo maior de apresentação e recursos técnicos que normalmente não existem em concursos de cosplay do Brasil.

Fomos ainda flexíveis, entendemos os problemas de cada um, procuramos resolver tudo da melhor maneira possível. Além disto, os cosplayers tiveram qualidade de som e iluminação dignas dos melhores shows nacionais e internacionais. O equipamento de som do Anime Friends estava avaliado em milhões de reais e um bom valor de locação pra Yamato. Foi um investimento alto, mas que trouxe um bom retorno não somente para o YCC, mas também para as demais atrações de palco.

Nenhum evento de animê/cosplay no Brasil teve tamanha estrutura e isto só despertou a vontade de mais cosplayers participarem da competição.

 

Cosplayers.net: E para a final internacional em janeiro, o que os cosplayers e o público em geral podem esperar em termos de infra-estrutura e recursos de palco?

David: A estrutura de palco será menor que a do Anime Friends, pois não teremos uma verba tão alta e nem cantores internacionais. Mas será feita pela mesma empresa que fez no Anime Friends, a Torao. Então podem esperar a mesma qualidade técnica, com os mesmos técnicos profissionais operando as mesas e os mesmos equipamentos de iluminação e som, mesmo que em menor quantidade.

 

Cosplayers.net: Os Estados Unidos terão uma vaga na final internacional do YCC em 2007? Como será feita a seleção?

David: Estamos terminando negociações com sites americanos para que ocorra uma seleção online para a final do YCC 2007. A maior complicação é realmente questões jurídicas como o passaporte/visto do vencedor sair a tempo. Mas estamos correndo contra o tempo. Pode ter certeza que se não tivermos eles neste ano, teremos no próximo, já que existiu interesse de ambas as partes.


Simone Setti
2o lugar na final brasileira do YCC 2007

Continua na Página 3.

{mospagebreak}

.

 

Cosplayers.net: Para 2008 está prevista alguma alteração no formato da YCC, ou apenas a inclusão de outros países que demonstrem interesse em participar?

David: Já tivemos alterações na etapa brasileira de 2008. As vagas subiram de 22 para 26, assim como a inclusão de mais Estados do Brasil na disputa.

Para a fase internacional de 2008, a primeira certeza é que devemos aumentar a principio o número de países. Ficamos impressionados com a repercussão que está tendo. Já entraram em contato conosco cosplayers do Canadá e de dois países da Europa. Fora Portugal, que também é um país Europeu, mas que trato a parte, pois é o que esta em negociações mais adiantadas e deve criar um evento especialmente para realizar a seletiva do YCC.

Estamos pensando também em rever algumas regras como tempo de apresentação, mas estes detalhes só serão revistos após o fim da atual etapa internacional.

 

Cosplayers.net: Quais os planos de longo prazo da Yamato, com relação à YCC? Até onde vocês acreditam que é possível que ela cresça, e qual a importância vocês acreditam que ela possa ter a longo prazo no cenário do cosplay internacional?

David: Acho que pra uma primeira edição, ele já está alcançando uma repercussão maior do que esperávamos. Atualmente diversos cosplayers da América do Norte e da Europa já sabem o que é o YCC e inicialmente esperávamos esta penetração mais forte só na América do Sul. Mas é claro que estamos felizes com isto. Ninguém faz um investimento alto como a Yamato fez sem esperar este retorno de imagem.

Veio de alguns cosplayers do México, a idéia de que o YCC seja tipo a “Copa do Mundo de Futebol”, e que a cada ano a final internacional seja realizada em um país. Do nordeste brasileiro veio uma idéia semelhante, pedindo que a cada ano a final internacional seja realizada em um estado diferente do país. Estamos levando tudo isto em consideração, mas a principio ela deve continuar em São Paulo, no Anime Dreams.

Para o futuro os planos são os mais ambiciosos possíveis, mas claro que queremos ir com calma, para que tudo de certo. Este ano temos a participação de países do continente americano. Para o próximo queremos uma participação bem ativa da Europa. E para a terceira edição vamos invadir a Ásia. Vamos ver o que vamos conseguir. Quem sabe não criamos realmente uma “Copa do Mundo de Cosplay”.

Agora eu como coordenador, espero de verdade que o YCC seja a maior competição individual de cosplay do mundo e que os nossos vencedores sejam de fato reconhecidos como os melhores cosplayers do mundo.


Thais Jussim
3o lugar na final brasileira do YCC 2007

 

Cosplayers mencionados nesta matéria

Última actualización el Lunes 11 de Mayo de 2009 21:05