Home Notícias Próximos eventos Rio Anime Club divulga regras para concurso e Liga Cosplay - Regras do concurso de cosplay

Rio Anime Club divulga regras para concurso e Liga Cosplay - Regras do concurso de cosplay

Correo electrónico Imprimir PDF
Índice de Artículos
Rio Anime Club divulga regras para concurso e Liga Cosplay
Regras do concurso de cosplay
Liga Cosplay
Todas las páginas

 

REGRAS - NOVOS TALENTOS: INDIVIDUAL E GRUPO

Atenção! As regras do RIO ANIME CLUB / Cosplay sofreram alterações, desde as limitações
de vagas para a inscrição, quanto as próprias regras incluindo a da LIGA COSPLAY Por favor,
leiam atentamente cada tópico!

1.1 – A primeira novidade para o cosplayer será a possibilidade de poder baixar e levar
impressa e preenchida a ficha de inscrição do concurso para o evento, agilizando assim,
todo o processo de inscrição. A ficha está disponível no site do evento. O cosplayer
deverá ficar atento ao ítem de autorização do uso de imagem (cessão de Direito do uso de
imagem) e assinar que concorda com as regras.

1.2 Nesta edição de outubro, ainda faremos inscrições no dia do evento no horário de
12:00 às 14:30 na área cosplay. A ficha padrão (idêntica a do site) será entregue para ser
preenchida e assinada na hora pelo cosplay.

1.3 A partir de agora é OBRIGATÓRIO em todas as categorias (DESFILE, NOVOS
TALENTOS:INDIVIDUAL E GRUPO e LIGA COSPLAY RIO) que o candidato leve imagens
de referência impressa 4 vezes(uma para cada um dos 4 juízes). O cosplayer que não
levar as imagens de referência e entregar junto com sua inscrição será automaticamente
desclassificado.

1.4 Também será obrigatório, juntamente com a imagem, o cosplayers levar impresso em 4
vias, a descrição de personalidade e resumo da história de seus personagens de game,
anime, tokusatsu e etc. Assim como no caso das imagens, o cosplayer que não levar
descrições e entregar junto com sua inscrição será automaticamente desclassificado.

1.5 O número máximo de integrantes a partir de agora nas performances em grupo será o
mínimo de 4 integrantes e máximo de 7. A intenção do evento é padronizar essa categoria
e melhorá-la conforme as edições. Limite de vagas: 20, mas, se não tiver um mínimo de 5
grupos inscritos o concurso não acontece. E na categoria Individual o mínimo será de 20
integrantes para a adaptação da nova pontuação para a Liga Cosplay.

1.6 O cosplayers do INDIVIDUAL terão 1 minuto para sua apresentação (com 5 segundos de
tolerância caso passe do tempo limite), e a de GRUPO terá os minutos de acordo com o
número de integrantes, podendo somar no máximo 5 minutos ( se forem 2 integrantes
2 minutos, se forem 3 são 3 minutos, se forem 6 integrantes é no máximo 5 minutos).
O tempo de apresentação será cronometrado, aqueles que ultrapassarem o tempo de
apresentação e de tolerância serão penalizados com a perda de 0,5 da nota final por cada
5 segundos (tirando os PRIMEIROS 5 segundos do tempo limite) ultrapassados.

1.7 Não haverá separação na inscrição entre apresentações LIVRE e TRADICIONAL, cabendo
aos juízes decidir os individuais e grupo que melhor se apresentarem levando em conta a
criatividade da apresentação e coerência com personagem.

OBS: Cosplayers pertencentes a categoria TITÃS (profissional), não poderão competir no
concurso Novos Talentos, apenas poderão concorrer na Liga Cosplay (em caso de dúvidas,
entrar em contato com a coordenadora Renata que poderá informar relação de cosplayers
que fazem parte da categoria).

2 - Apresentação:

2.1- Os participantes poderão utilizar um CD de áudio com o som para suas apresentações.
Quem deseja utilizar este recurso deverá entregar o CD junto com a sua ficha devidamente
identificada, com fita adesiva, no ato da inscrição.

2.2 - O CD deve ser gravado em formato CDA, CD de áudio, não em arquivo MP3, ou seja,
qualquer aparelho de som deve ser capaz de reproduzi-lo. O CD tem que ser confiável,
evitando problemas técnicos e uma possível desclassificação. O CD será apenas colocado no
deck e tocado, portanto a faixa a ser utilizada deve ser indicada na ficha de inscrição, e será
tocada do começo. Caso não haja especificação de faixa, será tocada a primeira.

2.3 - Os participantes devem se reunir meia hora antes do inicio do concurso, na área lateral
do palco.

2.4 - O cosplayer (individual ou grupo) que não estiver presente quando chegar a sua vez
será imediatamente desclassificado, não podendo realizar sua apresentação no final das
apresentações dos demais participantes.

2.5 - O concurso será assistido por pessoas de todas as idades, de crianças a adultos. Por isso,
é exigido do participante, bom senso para o modo de desfilar. Contudo, ofensas, apelo sexual
e posturas que não são características do personagem representado são considerados pelos
juízes como critério para a desclassificação do mesmo. Em caso de apresentação que fira as
disposições criminais, como atentado ao pudor e aliciamento de menores, os cosplayers e/ou
seus responsáveis legais, responderão criminalmente por seus atos.

2.6 - É terminantemente proibido o porte de explosivos, armas de fogo, mesmo descarregadas,
e armas brancas com lâmina afiada.

Apenas objetos que não representem perigo para os presentes serão permitidos. (Cabe a
organização do evento e do concurso de cosplay decidir quais objetos podem vir a representar
perigo para os presentes.) O porte desse tipo de material dará ao evento a autoridade de
barrar o visitante na entrada e recolher o mesmo no guarda-volumes, tendo o visitante o
direito de retirá-lo no final do evento.

2.7 - É proibido pular do palco, ou atirar objetos para fora dele.

2.8 - Caso haja problemas de responsabilidade do evento (como falhas na aparelhagem de
som) e o cosplayer for prejudicado, ele poderá repetir a sua performance no final do concurso.
CDs defeituosos não se incluem neste caso.

2.9 - Os cosplayers se responsabilizam pela integridade de aparelhagem e/ou acessórios do
evento quando em seu poder. Ou seja, muito cuidado com os microfones e caixas de som.

2 - Julgamento:

2.1 – Os juizes darão notas de 0 a 10 (podendo acontecer intervalos de 0,5 ponto)

2.2 - Critérios tanto para o Grupo quanto para o Individual:

- Performance

- Fidelidade ou criatividade, se for livre

2.3 - Para esse quesito "roupas", os juízes são instruídos a julgar sua fidelidade ao personagem
original (julgando as vestimentas e acessórios). Não será levada em conta a constituição física
dos participantes, mas se darão ênfase nas saídas técnicas usadas na execução das roupas.

2.4 - Para o quesito "Performance", os juízes são instruídos a julgar a apresentação teatral em
si e a interpretação dos personagens baseado em suas expressões no anime/relacionados.

2.5 - Para o quesito " Fidelidade ou criatividade, se for livre", os juízes são instruídos a julgar
os meios que o cosplayer usou e a forma como abordou a apresentação, colocando um toque
criativo seja a apresentação tradicional ou livre.

2.5.1 - Em caso de empate nas notas finais dos primeiros colocados e sujeitos a premiação, os
juízes e o coordenador do concurso realizarão uma votação.

2.6 - O juízes irão se reunir antes do concurso, para receber instruções detalhadas sobre o
procedimento e os critérios de julgamento, e irão se reunir após o concurso, para analisar o
cálculo das notas e assinar um documento, declarando estarem de acordo com os resultados
finais do concurso.

2.7 – Apesar de não ter separação das categorias, haverá premiação especial para um melhor
cosplayers individual e um grupo que se apresentarem de forma “Livre” levando em conta a
criatividade e empolgação da platéia com tal apresentação.

 



Última actualización el Martes 19 de Octubre de 2010 15:35